Uma das coisas mais certeiras que veremos nos próximos dias são as empresas sendo impactadas fortemente pelo confinamento. A receita vai cair, mas se você tem clientes com planos de longo prazo, parabéns!

Vais ter mais pista para correr.

Contratos recorrentes requerem uma experiência diferente, e isso é bom.

No domingo fiz um artigo sobre os possíveis impactos para negócios recorrentes e dei uma pitada sobre outros setores também. No momento de incerteza e da evasão de pessoas de lugares como academias, escolas, estacionamentos, cinemas e etc, quem tem cliente recorrente – com contratos de médio ou longo prazo, vai poder repensar com mais tempo, sua estratégia para o momento do Coronavírus.

Se você precisar fechar seu estabelecimento por um período (isso vai acontecer) pense como você poderá se conectar com seu cliente fora do ponto físico, de uma outra forma. A experiência do cliente não começa nem acaba na catraca da academia, não se resume às salas de aula nas escolas de inglês e não pode ser caracterizada simplesmente como um produto entregue na sua casa. Deveria ser muito mais que isso!

Procure alguma força dentro da sua empresa, que não se limite ao seu modelo atual de atender seu cliente.

As empresas que mudam as vidas das pessoas, se conectam com elas, de forma ampla. Não se limitam aos portões, catracas, salas de aula e aplicativos. Elas realmente são uma experiência completa. Ache essa força e seus clientes ficarão, voltarão a comprar mais e serão verdadeiros parceiros num momento de crise.

A maioria dessas empresas conquistam clientes de longo prazo, com contratos justos e recorrentes.

Deixe seu e-mail e receba conteúdos exclusivos você também.