Você sabe como informar reajuste de preço para o cliente ou fica preocupado só de pensar nessa situação?

Se trabalha com pagamentos recorrentes, é inevitável ter que lidar com o aumento de valores nos contratos em algum momento.

O importante é que você comunique o cliente na hora certa e do jeito certo, evitando qualquer desgaste na relação e o temido cancelamento.

Vamos ajudar você a acertar no preço e no discurso em um artigo completo sobre como informar reajuste de preço para o cliente.

Siga a leitura e preste atenção nas dicas. 

Como informar reajuste de preço para o cliente sem afetar a relação?

Saber como informar reajuste de preço para o cliente é decisivo para manter uma relação saudável e garantir a permanência dele na sua empresa.

Quando se trata de serviços recorrentes, um aumento de preço é sempre uma situação delicada. 

O maior medo, obviamente, é que essa mudança leve o cliente a cancelar seu plano ou assinatura do serviço, ou mesmo buscar preços mais baixos na concorrência. 

Para evitar esse problema, você precisa criar um processo padronizado e avisar com antecedência sobre o reajuste, tomando todas as medidas necessárias para justificar o novo preço e manter o cliente.

Obviamente, ninguém aumenta preços porque quer, mas porque é preciso manter a competitividade e repor as perdas provocadas pela inflação.

Se você cobrar sempre o mesmo valor, vai ter cada vez menos lucro e pode até perder qualidade.

Afinal, uma empresa tem muitos custos envolvidos e os preços precisam garantir um faturamento suficiente para cobrir os gastos, gerar lucro e manter a sustentabilidade do negócio em longo prazo. 

Então, não tem como fugir do reajuste de preço, mas é preciso fazer isso do jeito certo.

Por que fazer um comunicado de reajuste de preço

Na hora de planejar como informar reajuste de preço para o cliente, o primeiro passo é programar um comunicado com antecedência.

O motivo é óbvio: ninguém gosta de ser surpreendido por um aumento repentino que pode impactar o orçamento do mês.

Por isso, é fundamental informar seu cliente com no mínimo um mês de antecedência para que ele consiga encaixar o novo valor no seu controle financeiro pessoal.

Além disso, a atitude demonstra consideração pelo cliente e transparência por parte da empresa.

Do contrário, um aumento de uma hora para outra gera um impacto negativo e passa a impressão de que a empresa só se preocupa com seus lucros. 

Além de ser enviado o quanto antes, esse comunicado também deve conter argumentos razoáveis para o reajuste, explicando sua necessidade e importância.

Dessa forma, você valoriza seu cliente e aumenta as chances de fidelização

Como justificar um aumento de preço?

Não basta simplesmente informar o reajuste de preço para o cliente: é preciso justificar o aumento com argumentos convincentes.

Primeiro, é fundamental eleger um motivo específico para a mudança. 

O mais comum é o aumento dos custos que a empresa tem para manter a prestação de serviços ou entrega de produtos. 

Dessa forma, é necessário corrigir o valor cobrado para manter a qualidade de sempre e garantir a continuidade do negócio. 

A própria inflação do país é uma justificativa plausível para o reajuste, mas é preciso focar na elevação dos preços dentro do segmento.

Isso porque os índices macroeconômicos como IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) e IGP-M (Índice Geral de Preços – Mercado) são compostos pela oscilação de preços de diversos produtos e serviços.

Logo, nem sempre o indicador geral representa o aumento real que a empresa sofreu nos seus custos de insumos, equipamentos, mão de obra e outros. 

O importante é mostrar ao consumidor que você precisa reajustar o preço porque está mais caro prestar o serviço ou vender o produto – e não simplesmente porque a empresa quer ganhar mais. 

É claro que o aumento da margem de lucro também é uma justificativa totalmente coerente para um negócio, mas não é a mais indicada para comunicar o consumidor. 

O ideal é focar o discurso nos benefícios que ele terá com seu produto ou serviço, que só tendem a aumentar com o reajuste.

Esse é outro argumento importante para usar no comunicado: a necessidade do aumento de preço para melhorar a experiência do consumidor

Dessa forma, ele vai conseguir enxergar o custo-benefício, e não apenas o valor maior a ser desembolsado. 

5 dicas de anúncio de aumento de preço para o cliente

Se você tem dúvidas sobre como informar reajuste de preço para o cliente, não se preocupe.

Temos dicas assertivas para se planejar e fazer do jeito certo.

Acompanhe:

1. Invista na satisfação do cliente antes do reajuste

Se você informar sobre o reajuste em um momento de queda de satisfação, a taxa de cancelamento (Churn Rate) pode disparar. 

A dica é se planejar para comunicar sobre o aumento em um momento de retenção alta e clientes satisfeitos com a empresa.

Para isso, você pode criar ações para melhorar seu NPS (Net Promoter Score), como promoções, brindes e upgrades, e fazer uma pesquisa pouco antes do reajuste.

Isso aumenta as chances de uma boa recepção por parte dos clientes, já que estão satisfeitos e não têm motivos para procurar o concorrente. 

2. Certifique-se de que o aumento é razoável

Nenhuma técnica para comunicar reajuste vai funcionar se você subir o preço de forma desproporcional e assustar seus clientes.

Por isso, é essencial que o novo valor seja razoável, justificado pelos índices econômicos e próximo à realidade do seu mercado.

Então, lembre-se de fazer uma boa pesquisa antes de definir o valor e chegar a um percentual justo para todos. 

3. Seja transparente e objetivo

Também não adianta “enrolar” o cliente com discursos na hora de informar o reajuste de preço.

Para garantir a fidelização, você deve ser o mais transparente possível nas justificativas. 

Inclusive, vale apresentar dados sobre o aumento dos custos e situação econômica, para provar que você não está aumentando o preço na hora que quer. 

4. Reforce o valor do seu produto/serviço

É no momento de aumentar o preço que você precisa provar o valor do seu produto ou serviço para o cliente.

Então, não economize no marketing na hora de fazer o comunicado, reforçando todos os benefícios e diferenciais do negócio. 

O objetivo é mostrar ao cliente que vale a pena continuar com a empresa e que as vantagens só tendem a aumentar.

5. Seja flexível

Mesmo que o reajuste seja necessário para manter a saúde financeira do negócio, é importante mostrar flexibilidade ao cliente.

Para isso, você deve oferecer opções que facilitem a adesão aos novos preços.

Se trabalha com planos, por exemplo, pode oferecer um contrato com prazo mais longo e valor mais próximo ao atual para que o cliente não sinta o aumento pesar tanto no bolso. 

O importante é que o consumidor não tenha a impressão de que a empresa está forçando o aumento.

6. Valorize o cliente fiel

Seus clientes fiéis, que geram valor em longo prazo, também precisam de vantagens exclusivas na hora do reajuste de preço. 

Se você aumentou o valor em 8%, por exemplo, reduza para 6% apenas para os melhores clientes (e deixe claro que eles estão recebendo um tratamento especial). 

Você também pode oferecer brindes e bônus para quem fizer a renovação do contrato.

7. Inclua a previsão de reajuste no contrato

Para facilitar a tarefa de informar o reajuste de preço para o cliente, nada melhor do que ter o aumento previsto em contrato.

Essa prática garante a transparência do relacionamento com o consumidor e educa o cliente sobre a necessidade da correção de valor de tempos em tempos.

Quando contratamos um seguro, plano de saúde ou serviço de internet, por exemplo, temos consciência de que o preço irá subir em algum momento (normalmente após um ano). 

taxas-churn-retencao

5 frases de reajuste de preços para se inspirar

Se você souber como informar o reajuste de preço para o cliente da forma certa, terá muito mais chances de manter sua base fidelizada.

Veja algumas frases de reajuste de preços em diferentes negócios recorrentes para se inspirar:

  1. Escola de idiomas: “Para continuar nossa missão de educar sem fronteiras, precisaremos fazer um reajuste de x% a partir de maio de 2021. Esse aumento será necessário para melhorar nossa estrutura, manter os melhores profissionais e dar a você, aluno, a qualidade de ensino que você merece”;
  2. Clube de assinatura: “Teremos um reajuste de x% devido ao aumento dos custos para selecionar, adquirir e cuidar dos nossos produtos, para que cheguem perfeitos até sua casa. Garantimos uma experiência ainda melhor nos próximos meses”;
  3. Empresa SaaS: “Chegou o momento de aplicar um reajuste de x% para acompanhar a inflação e manter a estabilidade, segurança e rapidez da nossa plataforma. Ficamos à disposição caso você tenha dúvidas sobre o novo valor e queira falar sobre o seu plano”;
  4. Clínica estética: “Seu investimento em beleza e bem-estar terá um reajuste de x% no próximo mês. O valor acompanha a evolução da economia e do nosso mercado, para garantir que você continue recebendo os melhores tratamentos e tenha acesso à tecnologia de ponta nos cuidados estéticos”.
  5. Academia: “Sua próxima mensalidade terá um pequeno reajuste de x%, que será necessário para manter a qualidade das nossas aulas e renovar nossos equipamentos. Cada centavo a mais será investido na melhora do seu bem-estar e performance”;

O que fazer quando o cliente reclama do preço?

Se você precisa informar reajuste de preço para o cliente, prepare-se para ouvir reclamações e contestações.

Isso vai acontecer principalmente se houver um grau considerável de insatisfação com o produto ou serviço.

Nessa hora, você deve ter uma conversa franca com o cliente e focar 100% nos benefícios que sua solução proporciona, além de justificar o aumento em detalhes. 

É fundamental escutar o que ele tem a dizer com atenção e se colocar no lugar dele, aproveitando o momento para ouvir feedbacks sobre sua empresa.

Também é importante ter uma margem de negociação para reduzir o percentual, alterar planos, entre outros acordos que podem ser necessários para manter os clientes mais resistentes ao reajuste.

Acerte no preço e na cobrança ao cliente

Saber como informar reajuste de preço para o cliente é apenas um dos desafios dos negócios recorrentes.

Você também precisa manter um processo de cobrança recorrente preciso e automatizado – e, nisso, a Vindi pode ajudar.

Nossa plataforma de pagamentos inteligente tem todos os recursos que você precisa para automatizar a cobrança de planos e assinaturas, controlar suas finanças, combater a inadimplência e aceitar todas as formas de pagamento.

Assim, você tem total controle sobre as assinaturas e pode reajustar os valores com tranquilidade. 

Entendeu como informar reajuste de preço para o cliente sem prejudicar a relação?

Então, dê o próximo passo para otimizar sua gestão: experimente a Vindi.

Demonstracao-gratuita-vindi