Em 2017, as operações de venda nos cartões de crédito subiram para 12,4% em relação à 2016, atingindo o índice de 842,6 bilhões.

No primeiro trimestre de 2018, o volume de transações chegou a atingir R$ 355,4 bilhões, o que representa um crescimento de 14,4% em relação ao mesmo período do ano anterior. 

Já em 2019, na plataforma da Vindi 82% das transações foram realizadas com cartão de crédito. Esse número faz parte do aumento de quase 18% que o mercado teve em comparação com 2018.

Sem dúvidas, os cartões avançaram e se consolidaram como forma de pagamento, desde as vendas offline até as vendas online. E na recorrência não poderia ser diferente.

Se você trabalha com mensalidades, assinaturas e qualquer outro modelo de cobrança recorrente oferecendo o cartão de crédito, este post é para você! Aqui, você conhecerá as maiores vantagens desse meio de pagamento para ajudar seu negócio a crescer.

Agora, se você ainda não usa o cartão de crédito como opção de pagamento, preciso te alertar que depois desse post provavelmente você mudará de ideia!

Cartão de crédito na recorrência

Assim como nas vendas pontuais do e-commerce, para usar o cartão de crédito na recorrência é preciso estar ‘conectado’ a uma adquirente. E isso pode ser feito de três formas diferentes:

  • Usando integração direta com a adquirente;
  • Por meio de uma subadquirente;
  • Usando um gateway de pagamento.

Adquirentes

As adquirentes se conectam com as bandeiras de cartão e bancos emissores para que o processo de venda, transação, aprovação e recebimento ocorra.

Contudo, para se conectar diretamente às adquirentes o processo é um pouco mais burocrático e complexo, já que a empresa precisa contar com a ajuda de um desenvolvedor para realizar a integração direta com o sistema da adquirente.

Além disso, empresas sem CNPJ, por exemplo, não conseguem se credenciar. A vantagem está na taxa, que tende a ser menor.

Gateway

Neste caso, o processo de captação e transmissão das informações de venda, aprovação e transação fica a cargo do gateway.

Ele se conecta às adquirentes, recebe o retorno processado por ela junto às bandeiras e bancos emissores e disponibiliza na mensageira.

A vantagem do gateway é que ele facilita a conexão das empresas com as adquirentes e, em muitos casos, já oferece um sistema antifraude, checkout transparente, maior liberdade para trocar de adquirente e flexibilização na negociação de taxas junto às operadoras de cartão.

Subadquirentes

No caso das subs (também chamadas de intermediadoras de pagamento), todo o processo fica a cargo delas assumindo, assim, as responsabilidades e riscos das operações.

Dessa forma, ao usar uma intermediadora, a empresa é credenciada nela e não nas adquirentes, como a exemplo do gateway.

Por assumir todos os riscos, as taxas por transação são maiores; mas, em alguns casos, a subadquirente atende também pessoas físicas.

Neste artigo, você consegue entender melhor a diferença e saber qual é a melhor opção para seu negócio.

Depois de optar pelo formato que melhor atende, a empresa será credenciada a uma operadora de cartão (diretamente ou via gateway) ou a uma subadquirente. A partir daí, já pode começar a vender.

Como funciona o cartão de crédito na recorrência

Ao se credenciar, você poderá oferecer o cartão de crédito como opção de pagamento, mas para receber do cliente, precisará (como melhor opção) de uma plataforma de recebimento online. Ao vender, serão registradas informações como: dados do cartão, data de cobrança, e-mail e etc.

Feito isso, todos os meses, o software de recebimento fará a cobrança no dia programado. Algumas perguntas que surgem sobre esse processo são:

De onde o dinheiro é descontado?

Ele é debitado do limite de crédito do cartão do cliente. Essa é uma das maiores vantagens da recorrência com cartão de crédito, já que ela tira do limite do cliente apenas o valor da mensalidade e não do valor integral, como aconteceria no parcelamento.

Algumas plataformas de cobrança, como a Vindi, oferecem além da opção de crédito, o pagamento via boleto bancário.

Nesse caso, o valor é pago pelo cliente sem que ele precise ter uma conta aberta em banco, por exemplo.

Esse modelo é considerado o mais democrático no Brasil, já que oferece total liberdade para o cliente.

Quem aprova o pagamento?

Isso vai depender do modelo de contratação (gateway, adquirente ou subadquirente). O gateway, por exemplo, processa os dados de cartão, se comunica com a adquirente que verifica o crédito (ou saldo) do cliente junto aos bancos e devolve ao gateway a informação de aprovação.

Ao ser aprovada, ele processa as informações e cobra. No caso de uma subadquirente, por exemplo, é ela quem fica responsável pela aprovação do pagamento e faz todo o processo de transação.

Quem faz o repasse do dinheiro?

Quem armazena os valores que serão repassados à sua empresa são as adquirentes ou subadquirentes, no prazo de 30 dias eles serão repassados para a conta da empresa.

Vantagens de usar o cartão de crédito na recorrência

Além das vantagens para o cliente, existem os benefícios do cartão de crédito para a empresa, como:

  • Maior taxa de adesão
  • Forte argumento de venda
  • Taxa de crédito à vista reduzida
  • Cobrança automática

A depender da plataforma de cobrança que você contratar, existem outras vantagens. Na Vindi, por exemplo, além das vantagens citadas acima, com as funcionalidades oferecidas você tem benefícios como:

  • Redução de inadimplência
  • Retentativa automática
  • Aumento da retenção (renovação automática em caso de cartão vencido)
  • Pesquisa de melhores de taxas (com as adquirentes)
  • Controle financeiro

Se você ainda não trabalha com recorrência (mas quer) ou já trabalha, entenda que o uso do cartão é crucial para o seu negócio.

Aqui na Vindi, somos especialistas em  entregar a facilidade, comodidade e experiência que o seu cliente precisa, além de automatizar totalmente a gestão de recebimento da sua empresa.

Clique no banner abaixo para falar com um dos nossos consultores comerciais e descubra como podemos ajudar sua empresa a vender mais e sempre!
banner para contato comercial na Vindi