A Shopify conquistou os empreendedores com uma plataforma de e-commerce completa que une os mundos online e offline.

Hoje, ela é uma das melhores opções para quem quer criar uma loja virtual do zero ou integrar sua loja física com um e-commerce (e vice-versa). 

Não à toa, todo tipo de empresa está na plataforma, desde lojas tradicionais até produtores de conteúdo digital, prestadores de serviços e clubes de assinatura.

Para ajudar o seu negócio a decolar, a Vindi – em parceria com a Shopify e a Samurai Experts – está lançando a solução mais completa para o seu e-commerce.

Além disso, vamos falar sobre as oportunidades da recorrência na Shopify neste artigo:

Leia até o fim e entenda como faturar alto com vendas recorrentes na Shopify.

Vindi lança parceria com Shopify e Samurai Experts

A Vindi se uniu com a Shopify e a Samurai Experts para oferecer a melhor solução de pagamento recorrente para o seu negócio e aprimorar a experiência de compra do seu cliente. Tudo isso de forma simples e segura. 

A Shopify oferece uma estrutura completa para empreendedores montarem suas lojas virtuais via integrações com os aplicativos.

Dentro da plataforma, é possível conectar uma variedade de aplicativos para simplificar a gestão do seu negócio e resolver problemas sem a necessidade de contratar uma pessoa programadora para ‘codar’ soluções.

O aplicativo de recorrência da Vindi foi desenvolvido em parceria com a Samurai Experts (especialistas técnicos em Shopify) para facilitar a sua vida quando o assunto é gestão inteligente de assinaturas. 

Até então, não existia um app eficiente para vender por assinatura na plataforma. Agora, a integração está disponível em todos os planos da Shopify.

Com a novidade, você consegue gerenciar facilmente as assinaturas, oferecer diversos meios de pagamento, controlar os recebíveis e automatizar seu processo de cobrança.

Tudo com a garantia de segurança da certificação PCI Compliance, para manter os dados dos seus clientes sempre protegidos.  

Assim, fica muito mais fácil faturar na recorrência com a sua loja virtual e criar um negócio escalável na Shopify.

Conheça as principais funcionalidades do aplicativo: 

  • Gestão de assinaturas e faturas avulsas integradas entre Vindi e Shopify;
  • Pedidos de compra criados automaticamente após a geração da fatura;
  • Métodos de pagamento: boleto bancário (fatura avulsa) e cartão de crédito;
  • Customização de assinaturas no checkout pelo cliente;
  • Possibilidade de utilização cupom de desconto;
  • Diminuição de sua inadimplência com notificações sobre pagamentos atrasados.

Continue lendo o artigo para entender todas as possibilidades da Shopify para a sua empresa.

O que é Shopify?

Shopify é uma das principais plataformas de e-commerce para a criação de lojas virtuais e vendas online em geral.

Atualmente, o sistema possui mais de 1,7 milhão de lojas e cerca de 2,1 milhões de usuários ativos vendendo produtos e serviços online, segundo dados da própria empresa.

Ao todo, já foram movimentados mais de US$ 200 bilhões (cerca de R$ 1,04 trilhão) em vendas dentro do Shopify.

A plataforma foi criada em 2004 pelos canadenses Tobias Lütke, Daniel Weinand e Scott Lake, que queriam abrir uma loja virtual de equipamentos de snowboard e não estavam contentes com as opções de sistemas oferecidos no mercado.

Felizmente, Lütke era programador e conseguiu criar seu próprio sistema, e o resultado foi tão bom que surgiu a ideia de expandir a plataforma para outros lojistas.

De lá para cá, a Shopify passou de 5 pessoas trabalhando em um café para mais de 5 mil funcionários espalhados pelo mundo e quase 2 milhões de lojas hospedadas.

A empresa já alcançou um valor de mercado de US$ 60 bilhões (aproximadamente R$ 312 bilhões) e gera receita superior a US$ 1,6 bilhão (em torno de R$ 8,3 bilhões) para seus lojistas, segundo dados publicados na Forbes.

Por isso, a Shopify é considerada uma das plataformas de e-commerce que mais cresce no mundo, e vem se tornando cada vez mais popular no Brasil.

Além disso, a empresa expandiu seus serviços para auxiliar na integração das lojas físicas e virtuais, oferecendo novas opções aos seus clientes.

Aprenda no vídeo abaixo como criar a sua loja virtual do zero: 

Para que serve a Shopify

A função primordial da Shopify é oferecer uma estrutura completa para que os empreendedores criem lojas virtuais do zero.

Na plataforma, o lojista consegue escolher um dos modelos de sites profissionais e personalizar cores, imagens e fontes com facilidade.

Um dos grandes diferenciais é justamente esse: não é preciso entender de design nem de programação para criar um belo e-commerce e começar a vender na internet.

A plataforma ainda oferece uma solução de integração entre loja online e loja física, para que os lojistas consigam implementar uma estratégia de vendas omnichannel (multicanal). 

Outras soluções são o “Botão Comprar” que pode ser adicionado a qualquer blog ou site existente, a sincronização de lojas no Facebook e Instagram, e um gerador de nomes de empresas.

De modo geral, a Shopify oferece todos os recursos que um empreendedor precisa para começar a vender online com conhecimento mínimo e pouco dinheiro.

Por que criar uma loja virtual na Shopify?

Por causa de todas as facilidades oferecidas pela Shopify, ela se tornou a plataforma preferida de muitos pequenos e médios empreendedores para vender online.

Para quem precisa de um sistema completo, fácil de configurar e acessível, não existe solução melhor.

Estas são as principais funções oferecidas:

  • Configuração de vitrine com marca personalizada, domínio próprio e criação de catálogo de produtos personalizado
  • Suporte para diferentes variações de produtos (cores, tamanhos, materiais, etc.) e organização por categorias, sem limite de itens
  • Certificado SSL (Secure Socket Layer) gratuito para a segurança das transações
  • Taxas de frete automáticas de grandes transportadoras, com opção de frete grátis
  • Cobrança automática de impostos
  • Mais de 50 idiomas para criar a loja virtual
  • Recuperação de carrinhos abandonados
  • Diversas opções e gateways de pagamento para integrar à loja 
  • Plataforma de blog integrada para produção de conteúdo
  • Painel de controle completo para gerenciar clientes, estoque, orçamentos, vendas, faturamento, etc.
  • Integração entre processamento de pedidos, pagamentos e fretes
  • Ferramentas de marketing como otimização para SEO, avaliação de produtos, descontos, cartões-presente, envio de e-mail marketing, vendas no Facebook e integração com redes sociais
  • Ferramentas de atendimento ao cliente avançadas
  • Opção de vendas recorrentes por assinatura na plataforma
  • Ferramentas de analytics e relatórios de análise de dados para acompanhar o desempenho da loja online.

Tudo isso por um preço que cabe no bolso do pequeno e médio empresário.

Lembrando que existe também a versão da Shopify para grandes empresas e lojistas com alto volume de vendas, chamada Shopify Plus.

E existe ainda uma versão simplificada para microempreendedores que querem vender pessoalmente ou adicionar um botão Comprar ao seu site, chamada Shopify Lite.

Assinatura Shopify: planos e preços

A Shopify também se destaca por oferecer planos e preços para todos os bolsos.

Para começar, a plataforma permite que o empreendedor monte sua loja online e teste o serviço gratuitamente por 14 dias (sem precisar fornecer os dados do cartão de crédito).

Depois, é preciso escolher dentre as opções de planos disponíveis no site. São 5 planos com preços para todos os bolsos e necessidades: Basic Shopify, Shopify, Advanced Shopify, Shopify Plus e Shopify Lite. Veja todos os detalhes na página de preços

Como ter receitas recorrentes com a Shopify

Uma das grandes oportunidades para quem usa a Shopify é a adoção do modelo de recorrência nas vendas online.

Isso significa, basicamente, vender por assinaturas, planos e mensalidades, em vez de trabalhar apenas com vendas pontuais.

Nos negócios recorrentes, as vendas são feitas de forma contínua e em contratos de longo prazo, proporcionando uma receita previsível para o empresário.

Esse modelo começou com empresas SaaS e serviços como a Netflix, e então se espalhou por diversos segmentos como academias, tags de pedágio, seguradoras, e-commerces diversos e os icônicos clubes de assinatura.

De acordo com a nossa pesquisa sobre o mercado de assinaturas, metade dos brasileiros (50,6%) assina ou paga recorrentemente entre 6 e 10 serviços.

Texto: A maior pesquisa sobre o mercado de assinaturas do Brasil. Em imagem de fundo azul com pessoa ilustrada flutuando na frente de um gráfico com dados

Logo, há um grande mercado de vendas recorrentes a ser explorado pelos lojistas virtuais.

Entre as principais vantagens do modelo estão a receita recorrente, facilidade de fidelização de clientes e maior resiliência durante crises como a que enfrentamos nos últimos tempos.

Afinal, é muito mais fácil crescer e escalar um negócio tendo um faturamento garantido todo mês, em vez de depender dos altos e baixos das vendas únicas.

Quem pode se dar bem vendendo na Shopify

A Shopify é altamente democrática e tem espaço para lojistas dos mais variados segmentos.

Para quem já tem uma loja física, basta criar a versão virtual e utilizar todas as funcionalidades que permitem a integração entre os ambientes offline e online.

Para quem quer abrir uma loja virtual, é possível vender praticamente qualquer coisa pela plataforma.

Alguns exemplos de negócios que dão muito certo na Shopify são lojas de acessórios para celulares, brinquedos, produtos para pets, bijouterias e joias, cosméticos, roupas, eletroeletrônicos em geral, bebidas, etc.

Mas é possível vender muito mais do que produtos físicos na plataforma.

No ramo de serviços, há restaurantes que criam sua loja para delivery, academias que vendem planos pelo site, clínicas de estética que vendem tratamentos, agências de turismo que vendem pacotes de viagens, gráficas que vendem impressões e muito mais. 

Além disso, existe um segmento de produtos digitais em plena expansão.

São cursos online, ebooks, vídeos e fotografias, games, assinaturas de plataformas de conteúdo e vários outros itens 100% digitais. 

A Shopify é tão inovadora nesse sentido que foi uma das primeiras plataformas a anunciar a possibilidade de vender NFTs (tokens não fungíveis, também chamados de colecionáveis digitais). 

Logo, qualquer empreendedor pode se dar bem vendendo na plataforma, independentemente do seu produto ou serviço.

Exemplos de sucesso de lojas na Shopify

Não faltam cases de sucesso de lojas que utilizam a Shopify no Brasil e no mundo.

Veja alguns dos mais notáveis.

Pantys

A Pantys foi a primeira loja a fabricar calcinhas absorventes no país, pegando carona em uma tendência internacional que está ganhando cada vez mais força.

A marca tem um apelo “girl power” e conquistou o público feminino com produtos confortáveis, práticos e feitos para corpos reais.

A loja oferece uma variedade de modelos, tamanhos e cores de calcinha para diferentes intensidades de fluxo, que são facilmente dispostos no catálogo com os recursos da Shopify.

Além disso, as campanhas do e-commerce trazem pessoas com diferentes corpos e muito bom humor, com imagens impactantes.

A ideia deu tão certo que a Pantys migrou para o offline e abriu lojas físicas, confirmando o potencial omnichannel da Shopify. 

Conheça mais sobre o case aqui:

Pampili

A empresa de calçados Pampili é outro case de sucesso da Shopify no Brasil.

A marca decidiu migrar para a plataforma em 2020, depois de uma pesquisa aprofundada sobre as tendências de e-commerce. 

E a Shopify se mostrou uma ótima escolha, principalmente porque 90% das vendas online da empresa são feitas por meio de dispositivos móveis — e a plataforma é 100% responsiva.

Além disso, foi feita a integração com o sistema das lojas físicas, ampliando as oportunidades de negócio da Pampili.

Casa do Código

No universo dos produtos digitais, a Casa do Código é um ótimo exemplo de loja bem-sucedida na Shopify.

A editora vende livros e e-books para desenvolvedores e pessoas interessadas em tecnologia.

Os fundadores chegaram a cogitar o desenvolvimento de um site próprio para vender online, mas rapidamente chegaram à conclusão de que a Shopify teria um custo-benefício muito superior.

Assim, eles puderam se dedicar à criação de conteúdos de qualidade e deixar o resto com a plataforma.

Coffee++

A Coffee++ é uma marca de cafés especiais que escolheu a Shopify para vender online.

Os fundadores já tinham experiência com outras plataformas de e-commerce como Vtex e Magento, mas preferiram uma opção mais flexível. 

Um mês depois do e-commerce nascer, a marca já estava vendendo seus cafés especiais para redes de supermercados, alavancando a frente B2B da empresa. 

Depois, a Coffee++ ainda lançou seu clube de assinatura, que já conta com mais de 500 assinantes e vem impulsionando o crescimento da empresa. 

Grand Cru

A Grand Cru é mais um exemplo de empresa que migrou para a Shopify em busca de crescimento.

A rede de lojas de vinhos escolheu a plataforma durante a pandemia para suportar o aumento da demanda e escalar o negócio.

De fato, a empresa bateu um crescimento de 250% no período e aproveitou todos os recursos da Shopify para expandir suas vendas e assinaturas. 

Como usar o pagamento recorrente na Shopify

Pensando nas tendências do e-commerce, a Shopify oferece alguns recursos para que seus lojistas vendam na recorrência pela plataforma.

O principal deles é a configuração de assinaturas, que possibilita que os clientes façam compras agendadas em uma frequência recorrente.

Dessa forma, você consegue fazer a cobrança recorrente de determinados produtos e serviços de forma automatizada, sem precisar repetir o pedido todo mês (ou semana, bimestre, etc.).

No entanto, para usar a configuração de assinaturas, é necessário ter um gateway de pagamento habilitado.

Esse sistema funciona como uma “maquininha de cartão” digital que conecta a loja virtual às principais adquirentes do mercado, como Rede, Cielo, Evalon, Stone e First Data.

Basicamente, ele é responsável por toda a comunicação entre os principais envolvidos em uma transação: lojista, adquirentes, bandeiras de cartão, bancos e o cliente.

Para isso, o gateway captura e codifica os dados do cartão do cliente, envia às empresas responsáveis pela autorização da transação e processa o pagamento, desde que exista saldo ou limite suficiente para efetuar a compra.

O processo é feito em parceria com o time da Samurai Experts e permite que sua loja ofereça diversos meios de pagamento, como boleto bancário, cartão de crédito, débito em conta, carteiras digitais, entre outros.

A Samurai Experts é uma consultoria focada em e-commerce que possui profissionais e cases de sucesso para poder atender diversos modelos de negócio, com foco em e-commerce. Eles atuam diretamente com a gente para atender de forma personalizada cada cliente.

Caso você já tenha uma loja virtual e esteja buscando uma forma de fazer a migração para a Shopify, eles também são os especialistas ideais para te ajudar nesse processo.

Entre em contato com os Consultores da Samurai Experts para conhecer os detalhes e contratar o módulo da Vindi.

Vindi e Shopify: sua loja faturando na recorrência

Se você já usa a Shopify ou está pensando em migrar para a plataforma, já tem mais um motivo para isso com o lançamento do aplicativo da Vindi.

Afinal, os pagamentos recorrentes multiplicam as chances de sucesso do e-commerce e trazem muito mais previsibilidade para o negócio. 

Além de vender online, você terá total controle sobre as assinaturas e poderá trabalhar na retenção e fidelização dos seus clientes. 

Quanto maior for a sua base de assinantes, mais sólido e sustentável será o seu negócio.

E então, gostou de conhecer a Shopify e suas possibilidades na recorrência?

Aproveite e conheça outras plataformas de e-commerce do mercado.

[avg] ([per]) [total] vote[s]