Empresas digitais e que utilizam o pagamento recorrente como modelo de negócio precisam de atenção total com a renovação de contrato SaaS.

Além disso, esse processo precisa ser feito com cuidado, sempre com foco no cliente e tentando minimizar ao máximo os atritos com esses assinantes.

Dessa forma, se você quer evitar qualquer problema ao renovar um contrato SaaS e entender como aplicar técnicas de cross-sell e upsell, continue lendo este artigo até o final!

Como funcionam os contratos SaaS?

Em primeiro lugar, todo contrato de cobrança recorrente precisa ter uma transparência não só em relação ao valor da mensalidade, mas do serviço como um tudo.

Aqui, vale à pena destacarmos o SLA de atendimento, todos os serviços contratados, as funcionalidades incluídas, as integrações disponíveis e todas as obrigações entre contratada e contratante.

As normas, valores e deveres de um contrato SaaS são fundamentais para garantir a proteção dos dois lados. Por isso, falaremos agora sobre os maiores cuidados necessários, para que esses detalhes não passem despercebidos!

Quais os cuidados da renovação de contrato SaaS? 

O momento de renovação de contrato SaaS costuma ser muito valioso se o seu cliente está satisfeito com o produto ou serviço entregue. Por isso, é hora de usar tudo o que o seu negócio tem de valor nessa negociação.

Da mesma forma, também é fundamental que sejam oferecidas oportunidades de cross-sell e upsell. No primeiro caso, serão mostradas opções que agreguem valor à contratação, mas não necessariamente aumentem o preço daquele contrato.

Já no upsell, você oferecerá um plano mais completo, provavelmente em carteiras acima do que aquele cliente está. É um upgrade, propriamente dito.

No entanto, essas opções precisam ser feitas com cautela e no momento certo. Além dessas dicas, separamos outras que podem te ajudar a ter uma renovação transparente e assertiva!

Tenha um time jurídico

A primeira dica com certeza é em relação ao time jurídico. Independente se você tem o auxílio de colaboradores internos que compõem essa equipe ou fornecedores externos, é fundamental que esse contrato seja redigido com apoio legal.

Além disso, hoje temos soluções tecnológicas que facilitam a assinatura desse contrato, como é o caso da Clicksign. Se você faz negociações digitais, é importante que a plataforma de assinatura tenha validade jurídica.

Dessa forma, empresa e cliente se protegem no âmbito da lei e todo o processo fica muito mais facilitado.

Confirme todos os entregáveis do período vigente 

Depois da elaboração do contrato, é preciso alinhar os detalhes da efetivação dessa renovação de contrato SaaS.

Confirme com ele:

  • Plano contratado;
  • Suporte oferecido;
  • Canais de comunicação;
  • Responsável pela conta;
  • Integrações que o SaaS oferece;
  • SLA de atendimento;
  • Responsabilidades durante o período contratual;
  • Regras de ética no relacionamento;
  • Acordos de segurança e confidencialidade.

Defina esses pontos e agregue o que mais fizer sentido para a sua empresa, porque é aqui que, muitas vezes, a comunicação esbarra.

Defina possíveis alterações de pagamento na renovação de contrato SaaS

Se no contrato anterior o seu cliente pagava a mensalidade por boleto bancário e agora escolheu o cartão de crédito, essa mudança precisa ser contemplada na renovação de contrato SaaS.

Além disso, por uma questão de segurança, é necessário identificar neste contrato que os dados sensíveis daquele cliente (como nome, CPF, endereço e dados do cartão, incluindo CVV) ficarão em sigilo, guardados no software.

Estabeleça os limites do relacionamento entre contratada e contratante

É claro que precisamos pensar em CX (Customer Experience), mas também é necessário estabelecer limites entre cliente e fornecedor.

Dessa forma, é indispensável que pontos básicos, como horário de atendimento, sejam previstos em contrato. E, os detalhes daquele serviço, como regras de personalização, cadastro e usabilidade, também entram no pacote.

Deixe claro as opções de cancelamento e possíveis multas

O Churn é temido por muitas empresas, e SaaS não fica de fora disso. Portanto, prevenir o cancelamento é tão necessário quanto analisar o que aconteceu depois da dissolução do contrato.

Aqui, vale destacarmos que medidas muito duras de multas de cancelamento podem afastar clientes em fase de aquisição. 

Mensurar as possibilidades de contratação e cancelamento dará mais previsibilidade e fôlego para a empresa, diminuindo prejuízos a curto prazo.

Negocie as propostas de renovação 

Como dissemos nos tópicos anteriores, o momento de renovação é muito importante para conquistar esse cliente. 

Por isso, faça de tudo para oferecer vantagens, benefícios, programas de fidelização e tudo o que atrair esse cliente para perto do seu serviço. Quanto mais valor é agregado, mais chances você tem de aumentar esse LTV.

Envie opções de serviços à parte junto com o contrato

Tudo o que for negociado à parte pode ser enviado ao cliente junto com o contrato assinado. 

É importante que ele fique ciente de tudo o que está deixando de lado e, quem sabe, ter o interesse de contratar depois.

Portanto, agora que você já sabe tudo o que não pode ser esquecido em uma renovação de contrato SaaS, que tal conhecer a solução de pagamentos da Vindi que automatiza todo o seu processo de cobrança recorrente? 

Clique no banner abaixo e faça uma demonstração agora!