Mais de 200 MIL PESSOAS sabem como vender mais e sempre.

Deixe seu e-mail e receba conteúdos exclusivos você também.

A Amazon não para de surpreender. No meu último texto sobre a gigante da tecnologia, eu apresentei os motivos pelos quais ela vai dominar o varejo – você pode ler aqui. Hoje, falo do novo produto que ela apresenta. Agora, para aquecer o mercado de recorrência.

No Brasil, o mercado de assinatura está no início. Mas, lá fora, é um mercado em amadurecimento que, agora, será ainda mais impulsionado com o Subscribe with Amazon, o marketplace que a Amazon lançou para empresas de assinatura.

subscribe with amazon

De acordo com o TechCrunch, o serviço vinha sendo desenvolvido desde o ano passado, agora a empresa anunciou que já está disponível. Resumidamente, o marketplace é uma loja de aplicativo para assinaturas, que permite ao usuário fazer a gestão dos serviços que contrata em um único lugar.

Nela serão oferecidos, basicamente, os serviços que a Amazon já oferece, como assinatura de conteúdo on-line para crianças, assinaturas de canais de treinamento, educação, assinatura de receitas, streaming, armazenamento na nuvem e até meditação. Nomes como: The Wall Streat Jounal, Chicago Tribune, The New Yorker e Consumer Reports também estão entre os serviços de assinatura disponíveis na plataforma.

Em entrevista ao TechCrunch , o CEO da Hooch – empresa de assinatura de drinks que está no radar do marketplace da Amazon – falou sobre a importância da iniciativa para as empresas de assinatura porque, além do nome que a Amazon tem no mercado, existe a questão da retenção.

“As pessoas têm mais probabilidade de atualizar os métodos de pagamento na Amazon, por isso pensamos que haverá menos interrupções.” – Lin Dai, Ceo da Hooch.

Como vai funcionar

Na plataforma, o assinante pode executar atividades como troca de cartão, atualização de informações no cadastro e formas de pagamento, que são ferramentas que ajudam as empresas a manter o perfil do cliente atualizado para que o serviço e cobrança sejam feitos sem problemas. Afinal, sabemos que a atualização de informações é necessária para que não ocorra o churn involuntário.

O que chama a atenção do marketplace é a “abertura” que a Amazon oferece para a empresas de assinatura se promoverem e o fato de reunir (para o usuário) uma gama de serviços em uma única interface.

Para vender os serviços no site, a gigante da tecnologia oferece ferramentas de autoatendimento, que lhes permite gerenciar preços e receber pedidos e atualizações do serviço por meio da API da Amazon.

“Hoje, estamos entusiasmados em estender nossa seleção, oferecendo às empresas de assinatura uma maneira de autoatendimento para disponibilizar suas assinaturas a milhões de clientes da Amazon”. – Lovina McMurchy, gerente geral da Subscribe with Amazon.

*As informações foram retirados do TechCrunch

Você vai gostar também

Quais são os maiores serviços de assinaturas do mu... As tendências mercadológicas também passaram a ser refletidas no comércio eletrônico e inúmeros serviços e produtos ganharam espaço nos chamados “site...
Assinatura é o futuro dos aplicativos, é o que apo... Assinatura é um assunto que por aqui já conhecemos bem e agora o pessoal da maçã está de olho neste mercado também! Com mais de 170 bilhões de downloa...
Jogos FIFA serão vendidos no modelo recorrente Em julho, eu falei neste texto sobre a chegada do ‘efeito Netflix’ aos jogos digitais. A novidade à época era que uma plataforma de jogos indie estava...
‘Efeito Netflix’ chega aos jogos digitais Apesar de Millennial, eu tenho manias analógicas ainda, como anotar tarefas em agendas de papel que eu certamente não vou ler, rascunhar  ideias de pa...
Author

A Equipe de redação Vindi é formada pela área de sucesso do cliente, marketing, financeira e vendas. Todo mundo contribui para que você fique informado sobre tudo em assinaturas, pagamento on-line e Saas.