Mais de 200 MIL PESSOAS sabem como vender mais e sempre.

Deixe seu e-mail e receba conteúdos exclusivos você também.

A gente gosta de “bater na tecla” ao falar de segurança porque ela é – tanto para o cliente final, quanto para as empresas – a parte mais essencial quando o assunto são os meios de pagamento online.

Nós já falamos sobre antifraude, SSL e todo o tipo de ferramenta que você deve ter no seu site, software, loja, etc. Mas, agora é hora de falar do seu papel, como empresário, na hora de assegurar os dados do cartão dos seus clientes.

Antes disso, vamos falar sobre PCI:

O que é o PCI?

PCI é um padrão de segurança de dados para a indústria de cartões de pagamento que define os modelos mínimos de segurança por meio de processos e tecnologias. Essa certificação “rege” as regras que devem ser seguidas por comerciantes e provedores de serviço que trabalham com cartões.

Por que devo ter o certificado PCI?

Se a sua empresa armazena, processa ou transmite informações que contêm cartões de crédito ou débito você tem que seguir requerimentos do PCI porque isso é que garante que sua empresa está segura para efetuar as transações de venda via cartão.

Para muitas empresas, implementar todos os requerimentos exigidos pelo PCI seria uma tarefa inviável devido à complexidade e alto custo destes controles. E sem a certificação o seu negócio pode sofrer com fraudes de todos os lados. O que, consequentemente, pode te levar à falência e altas multas aplicadas pelas operadoras de cartão de crédito.

Não tenho PCI, então não posso mais vender no cartão?

Fique calmo, a VINDI já possui todos estes controles implementados e garante o mais alto nível de segurança para as informações de seus clientes que são transmitidas, processadas e armazenadas através da nossa plataforma. Mas, apesar de termos a maior parte dos controles, alguns ainda são de sua responsabilidade.

Grande parte das fraudes acontecem em processos mal definidos ou por descuidos durante a venda, então fique atento às dicas abaixo:

  • Nunca anote os dados do cartão de crédito de seus clientes;
  • Jamais solicite foto do cartão de crédito de seus clientes;
  • Não armazene os dados de cartão em planilhas mesmo que ela possua senha, você contratou a VINDI para isso;
  • Não armazene dados de cartões de crédito em suas aplicações, somente faça isto se você tiver implementado todos os controles do PCI;
  • Garanta que os computadores da sua empresa possuam antivírus e que estejam sempre atualizados;
  • Não utilize software pirata, eles normalmente possuem vírus e outros softwares maliciosos;
  • Cuidado com e-mails maliciosos, a exemplo dos SPAMS;
  • Fique sempre atento e evite que pessoas mal-intencionadas peguem as informações de seus clientes.

Essas dicas são importantes para você entender o seu papel e assim deixar seu ambiente de vendas mais seguro. Por isso, se necessário, faça um checklist e siga passo a passo os tópicos acima. Assim você se protege e ajuda a validar toda a segurança que a Vindi te oferece com a certificação PCI. =)

vindi-banner

 

 

Você vai gostar também

Como alavancar o programa de sócio torcedor do seu... Praticamente todo time brasileiro possui um programa de relacionamento com seu "cliente", o famoso sócio torcedor. Visando um crescimento de receita d...
Ataque Hacker: suas cobranças estão seguras? É provável que você, que é um empresário antenado e acompanha as notícias diariamente, tenha ouvido falar sobre o ataque em massa feito por hackers ao...
Como o Spotify converte usuário em assinante Em junho de 2016, Daniel Ek anunciava a marca de 100 milhões de usuários do Spotify, serviço de streaming de música fundado em 2008. O que significa q...
Amazon lança marketplace para empresas de assinatu... A Amazon não para de surpreender. No meu último texto sobre a gigante da tecnologia, eu apresentei os motivos pelos quais ela vai dominar o varejo - v...
Author

A Equipe de redação Vindi é formada pela área de sucesso do cliente, marketing, financeira e vendas. Todo mundo contribui para que você fique informado sobre tudo em assinaturas, pagamento on-line e Saas.