Segundo a Associação Brasileira de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), no primeiro semestre de 2016 os brasileiros gastaram R$ 546 bilhões nas compras com cartões. Empresas que oferecem esse meio de pagamento ganham com resultados positivos. Mas, será que elas sabem as taxas de transação por venda aprovada?

Nós da Vindi mapeamos as taxas praticadas por algumas das principais operadoras de cartão e fizemos uma média dos valores em alguns segmentos, veja:

Pagamento: à vista 

Academia: 3,39%

Ensino: 2,85%

Tecnologia: 3,44%

Alimentício: 3,26%

Associação/Doação: 3,44%

Condomínio: 3,52%

Imobiliária: 3,07

 

Parcelamentos de 2x a 6x

Academia: 3,71%

Ensino: 3,05%

Tecnologia: 3,62%

Alimentício: 3,65%

Associação/Doação: 3,62%

Condomínio: 3,78%

Imobiliária: 3,25%

 

Parcelamento: de 7x a 12x

Academia: 3,98%

Ensino: 3,37%

Tecnologia: 3,94%

Alimentício: 4,02%

Associação/Doação: 3,94%

Condomínio: 4,14%

Imobiliária: 3,58%

Por ser uma média, esses valores estão sujeitos a variações. Além de taxas relativamente altas, conectar-se diretamente às operadoras é burocrático e muitas vezes inviável. Por isso, é vantagem ter um gateway de pagamento como a Vindi, que te conecta não só a uma, mas quantas operadoras de cartão você quiser.

Outra vantagem de usar um gateway é que, como o pagamento é recorrente, suas taxas ficam fixadas nos valores pagos à vista e não a prazo, que são taxas ainda maiores como apresentamos no infográfico.

Máquina de cartão de crédito e débito ou afiliação e-commerce?

Uma das dúvidas que ainda permeiam os empreendedores é o uso da maquineta de cartão de crédito. Hoje existem dois modos de receber as vendas: as máquinas propriamente ditas e o pagamento online. Conheça as duas: 

Máquinas de cartão de crédito e débito:

  • POS (Point of Sale ou Ponto de Venda)

A POS (Point of Sale ou Ponto de Venda) funciona conectada a uma linha telefônica para transmitir informações, a exemplo dos modens de internet discada que usávamos há alguns anos. Por precisar de conexão, ela é utilizada principalmente em vendas de balcão, como em supermercados, farmácias e etc.

  • POO (Point of Outdoor ou Ponto de Venda Externo)

A POO (Point of Outdoor ou Ponto de Venda Externo) é uma máquina de cartão de crédito que funciona como a POS, a diferença é que ela não precisa estar conectada a uma linha telefônica. Ela funciona através de um chip de celular para transmitir as informações de compra por meio das redes de dados das operados de telefonia. Essas são as maquinetas que, comumente, vemos em bares ou na cobrança de corridas de táxi.

Pagamento online

Para essas vendas online é inviável um POS ou POO justamente porque elas precisam de uma maquineta e a interação física do cliente. Por isso usa-se um gateway (software online de pagamento) ou adquirente atuando na transição.

Nesse modelo, o gateway efetua o processo de transmissão de dados em tempo real entre banco emissor e as bandeiras de cartão de crédito para que a compra seja aprovada. Apesar de parecer um modelo mais sugestivo ao e-commerce, esse modelo também é aplicável a vendas físicas, como escolas e academias. Pois, através de uma plataforma como a da Vindi, você só precisa inserir os dados do cliente que será cobrado mensalmente. Isso dispensa o uso de maquineta e, consequentemente, o aluguel dela.

vindi-banner

 

Você vai gostar também

Formas de Pagamento Online Uma pesquisa da Google apresentada na quarta-feira (21/9) mostrou que a intenção de compra dos consumidores para a Black Friday este ano teve alta. No...
Como aumentar sua taxa de renovação das assinatura... A coisa mais difícil de fazer no que tange a uma venda é, sem dúvida, conquistar um cliente. Qualquer pessoa dos times de marketing e comercial sabem ...
Como a greve dos Correios afeta as empresas brasil... Segundo a Federação Nacional dos Trabalhadores em Empresas de Correios e Telégrafos e Similares (Fentec), foi marcada uma assembleia para definir a pa...
Confiança do consumidor tem alta em outubro, segun... De acordo com dados divulgados pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), o índice de confiança do consumidor teve sua sexta alta consecutiva em outubro de 2...