Recepção de consultório: 7 dicas para melhorar a experiência do paciente

Fique bem informado com as notícias da Vindi

Insira seu Email:

Seu email será compartilhado com a Vindi estará sujeito à sua politica de privacidade

Ser médico, dentista ou qualquer especialista de saúde é muito mais que uma profissão. Envolve cuidar de pessoas. O bem-estar do paciente vem acima do lucro. Para isso, você, doutor, buscou conhecimento e experiência para prestar o melhor atendimento.

No entanto, antes de chegar à sala de consulta, o paciente passa um tempo, às vezes até maior fora dela, na recepção e espera.

Esse lado talvez não seja abordado pelos livros de medicina ou odontologia e curar quem você atende pode não ser o bastante para a satisfação dele pelo serviço prestado.

Um chá de cadeira o faz sair irritado de seu consultório ainda que tenha seu problema solucionado.

Assim, um bom ambiente na recepção do consultório pode melhorar a experiência do paciente e fazer subir a reputação dos profissionais que trabalham ali.

Felizmente, há muitas ideias e dicas para se inspirar na hora de decorar o consultório e também dar o melhor atendimento desde a recepção. Vamos ver algumas delas!

1- Internet e energia

Talvez seja a hora de mandar para a reciclagem aquelas revistas velhas sobre o iPhone 4 e a novela das oito que passava em 2012.

O consumo de conteúdo hoje é cada vez mais pessoal e não há distração e passatempo melhor do que a pessoa poder aguardar pela consulta com acesso gratuito a uma internet de boa qualidade e sem que isso consuma toda a bateria de seu celular.

Wi-Fi e pontos para carregar o smartphone são itens básicos de qualquer recepção!

Outro fator importante a se considerar é que a maioria das consultas é feita em horário comercial. Para que o paciente não fique preocupado com o tempo, tendo um ponto de acesso à internet, em tempos de trabalho remoto, ele pode adiantar suas tarefas e responder e-mails enquanto espera pelo atendimento.

2- Além da água e do cafezinho

Água fresca e gelada; café quente, açúcar e adoçante. Claro que todo paciente espera por isso em um consultório. Mas, que tal surpreendê-lo com um pouco a mais?

Sucos podem ser uma alternativa de bebida e bolachas e biscoitos evitam que estômagos fiquem roncando pela recepção e também são uma solução imediata para a fome após exames que tenham exigido jejum.

Uma máquina de snacks é bem prática e oferece opções de alimentos sem que o custo seja alto para o consultório.

3- Assentos suficientes e confortáveis

Alguns consultórios, especialmente aqueles que atendem a convênios médicos, talvez recebam um grande número de pessoas em certos períodos do dia.

Deixar o paciente em pé esperando é pedir para que ele vá a outro consultório na primeira oportunidade. Assim, ter cadeiras suficientes para aguardar a chamada é outro item fundamental.

Para sair do básico, sofás aconchegantes, poltronas confortáveis e até aquelas cadeiras massageadoras podem fazer o paciente nem ligar se tiver que esperar um pouco mais para ser atendimento.

4- Crianças sem choro

Criança não gosta de lugar de adulto e adulto não gosta de ver criança chorando, pedindo mimos e mexendo onde não deve.

Por outro lado, os pequenos podem se distrair se tiverem brinquedos, materiais de desenho e, se possível, uma sala com televisão que esteja passando animações infantis, por exemplo.

Atente-se aos móveis e à decoração do espaço infantil do consultório. O ambiente precisa ser seguro – isso significa não ter objetos com pontas e vidros – e fácil de limpar.

5- Antecipe e otimize o atendimento

Ter profissionais que façam um pré-atendimento faz com que a consulta seja mais produtiva. Assim, mais pacientes podem ser atendidos e terem todos os seus problemas ouvidos.

É decepcionante para quem espera por tanto tempo por uma consulta e vê um médico com pressa e conversando apenas cinco minutos.

Medir pressão, fazer exame de vista, dilatar a vista e aplicar certos produtos nos dentes podem ser feitos por auxiliares habilitados.

Muito importante: o secretariado deve ser educado e cordial!

6- Ambiente agradável

  • Ar condicionado: atente-se sempre à temperatura, especialmente porque o problema do paciente pode ser justamente um resfriado. Também, verifique o tempo lá fora. Uma inversão térmica num entra e sai do ambiente pode fazer mal à saúde.
  • Televisão: além do celular, é uma boa forma de entretenimento, mas não deve estar em um volume muito alto. Utilize o closed caption.

Trilha sonora: as músicas para consultório não devem ter batidas eletrônicas, rock pesado, sertanejo e aquelas rádios populares com mais propagandas do que música. New Age, MPB e músicas clássicas e relaxantes dão uma boa sonorização.

7- Estacionamento

Por fim, mas muito importante, é ter onde a pessoa parar o carro. Se o prédio não tiver espaço suficiente para oferecer vagas gratuitas, procure fazer convênio com o estacionamento mais acessível e deixe uma sinalização clara para que o paciente não fique sabendo apenas depois da consulta.

Extra: faça o paciente voltar!

É claro que, enquanto a pessoa estiver doente, ela vai precisar de um médico. Também, se tiver retorno marcado ou que pegar receita, terá que ir novamente ao seu consultório.

Mas, aqui, falamos de fazer o paciente voltar com satisfação e saber que o dinheiro foi bem investido para cuidar da saúde. Caso contrário, ele vai procurar outro consultório na primeira oportunidade.

Sobre o autor

Redação Vindi
Redação Vindi
A Equipe de redação Vindi é formada pela área de sucesso do cliente, marketing, financeira e vendas. Todo mundo contribui para que você fique informado sobre tudo em assinaturas, pagamento on-line e Saas.

Você vai gostar também

Concorrente da Uber testa modelo de assinaturas mi... Concorrente da Uber nos Estados Unidos, a Lyft, está testando oferecer os serviços de transporte por assinatura. A ideia da (possível) implementação é...
Sistemas para estacionamento: 4 aplicativos para r... Com cerca de 5.300 estacionamento em atividade em São Paulo, um equivalente a 500 mil vagas, empresários do ramo procuram novas estratégias, como um s...
Bom Atendimento A Exame juntamente com o IBRC (Insituto Brasileiro de Relacionamento com o Cliente) elaborou um ranking através de pesquisas e análises de reclamações...
Software odontológico: 10 ferramentas que facilita... Segundo o Conselho Federal de Odontologia (CFO), o segmento é um dos que mais se destaca no país. Com um faturamento de mais de 38 bilhões de reais no...