Dúvidas sobre gateways de pagamento? Calma, a solução está aqui!

Você sabe o que são gateways de pagamento? Esse termo em inglês se refere a uma interface que realiza a transmissão de dados entre os envolvidos em uma transação de e-commerce: o cliente, o banco e a sua empresa.

Eles podem ser usados em pagamentos através de cartão de crédito, facilitando as compras pela internet. Continue lendo para entender melhor o funcionamento dos gateways de pagamento.

Gateways de Pagamento, Adquirente e Subadquirente – entenda

Quando falamos de transações financeiras, três nomes aparecem com frequência: gateway, adquirente e subadquirente.

O gateway é um canal criado para que as informações de pagamento do cliente possam ser enviadas a um adquirente. O adquirente, por sua vez, é a operadora de cartões de crédito; o exemplo mais fácil de entender é a Cielo. Já o subadquirente é uma alternativa ao gateway, que também se comunica com o adquirente, mas de forma diferente. Nesse artigo, vamos chamar o subadquirente de “intermediário de pagamento”. É importante notar que, independente de você usar um gateway ou um subadquirente, o adquirente sempre estará presente no fluxograma do pagamento online.

Diferença entre Gateway de Pagamento e Intermediário de Pagamento

Apesar de parecidos, esses dois sistemas não são iguais. Existe uma diferença essencial entre eles: quando sua empresa utiliza um gateway de pagamento, você está basicamente criando um canal de comunicação direta com bancos e operadoras de cartão de crédito. É através desse canal seguro que o cliente pode enviar os dados. Depois, a própria instituição financeira irá enviar o pagamento para você, obedecendo a seus próprios prazos e taxas.

Já no caso do intermediário (subadquirente), quem estabelece essa comunicação não é você, mas sim o intermediário. Ele é quem recebe os dados de pagamento do cliente, informa à instituição financeira, recolhe o pagamento e repassa a você. Alguns exemplos de intermediário de pagamento são o PayPal e o PagSeguro.

Por que optar por um Gateway de Pagamento?

O uso de um gateway de pagamento tem uma grande vantagem sobre o intermediário: as taxas cobradas são muito menores. Apenas alguns centavos sobre cada transação.

Além disso, ele também é muito mais flexível – tanto para a empresa, quanto para o cliente. Por exemplo, você pode customizar seu gateway para aceitar compras com cartões do exterior ou oferecer parcelamento sem juros. Você pode, ainda, usar o gateway de pagamento para aceitar pagamentos realizados através do telefone.

Veja esse vídeo e entenda melhor.

Para completar, os aspectos técnicos também são favoráveis: o suporte ao usuário é mais eficiente e ele permite integração total com o e-commerce (sem que seja preciso redirecionamento a outros sites para realizar um pagamento).

Como escolher um Gateway de Pagamento

É fácil encontrar algumas opções de gateway para aplicar no seu e-commerce, mas a escolha precisa ser feita com atenção. Além do preço, você deve procurar um gateway que economize tempo, tanto para você quanto para os clientes que utilizarem seu website. Outro requisito essencial é que ele seja compatível com sua plataforma de e-commerce. O gateway de pagamento é mais uma opção que permite modernizar e otimizar o funcionamento de seu negócio digital.

melhor api de pagamento

Você tem outras perguntas sobre essa ferramenta de pagamento online? Então deixe suas dúvidas nos comentários deste artigo, e fique atento aos novos artigos do blog sobre o assunto.

Sobre o autor

Redação Vindi
A Equipe de redação Vindi é formada pela área de sucesso do cliente, marketing, financeira e vendas. Todo mundo contribui para que você fique informado sobre tudo em assinaturas, pagamento on-line e Saas.

Você vai gostar também

Nós não vamos parar! Chegando o fim do ano, coisa comum é relaxarmos, no bom sentido. Parece que o mercado inteiro começa a pisar no freio e deixar a rotina ser levada pel...
Transação rejeitada, e agora…? “Transação aprovada” - essa é a frase-desejo de todo comprador quando passa o cartão na hora de adquirir um produto ou serviço, principalmente ao fina...
Febraban quer melhorar experiência de clientes com... O boleto é a segunda opção de pagamento mais usada no Brasil, ficando atrás apenas do uso do cartão, que há anos vem sendo o formato que mais cresce. ...
Como o pagamento recorrente para estacionamentos a... Para contornar situações adversas que afetaram grande parte dos estacionamentos do país, empresários do ramo praticam um verdadeiro contorcionismo fin...