O que um gamer tem a ensinar para um vendedor?

Ser gamer</em> é muito além de gostar de jogos, vídeo games, animes, RPG, realidade virtual. A profissão de gamer está crescendo e ganhando representatividade. Grandes produtoras de jogos de consoles como Playstation e Nintendo ou jogos de computador, procuram jogadores fanáticos e formadores de opinião nesse universo para testar os produtos e oferecer uma melhor experiência para os jogadores.

Ser gamer é explorar o jogo ao máximo, buscar objetivos e desafios específicos – bem específicos. Parece simples, mas não é. O gamer vive de experimentar os jogos e passar a sua percepção antes do jogo realmente ser lançado. Mas, o que isso tem em comum com a área de vendas?

  • Objetivos: O gamer precisa cumprir requisitos básicos para ganhar troféus e platinar um jogo. O vendedor também precisa cumprir requisitos mínimos para qualificar uma venda e entender se está dentro do negócio dele, como aquele produto/serviço pode ajudar o seu cliente final. Para vender, precisa saber o que está vendendo e o que precisa atingir com isso.

 

  • Metas: Ao iniciar o jogo, o gamer tem objetivos para atingir e conquistar os troféus, atingir a platina. Existe meta a cumprir. Exemplo: Cumprir um percurso em um determinado tempo, alcançar o nível de um personagem, atingir % de golpes em um inimigo, entre outros. O vendedor também tem as suas metas: contatar um determinado número de clientes, converter X% de negócios, trazer clientes de um segmento específico, entre outros.

 

  • Planejamento: Sim, você tem os objetivos e as metas já estipuladas e agora precisa pensar em como atingir. O gamer se planeja em ações práticas. Missões secundárias, explorar o mundo aberto do jogo, conhecer mais de uma determinada região, assistir alguns vídeos de outros jogadores, enfim, existe um processo. O vendedor sem planejamento atira no escuro. Precisa planejar o que e como fazer, próximos passos, ações, rotas de visitas na rua, conhecer os concorrentes e explorar a região onde atua. O vendedor que se antecipa entrega o objetivo e cumpre com a meta. Sem segredo.

 

  • Persistência: Não será a primeira vez que você jogou, que você vai ganhar aquele troféu maneiro de ouro. Mas não desista. Com a prática e com o tempo, vai ficar fácil e você conquista. Com o vendedor também é assim. Você vai bater na porta de muitas pessoas que falarão não para conseguir um sim. O segredo é acreditar no produto que você vende e continuar ofertando. O sim virá naturalmente com a sua determinação.

 

  • Trabalho e diversão combinam sim! Você pode trabalhar e ao mesmo tempo se divertir. O gamer faz isso. Enxerga o universo de jogos como uma diversão e vive disso. O vendedor também pode! Fazer networking é fundamental para ampliar mercados, conhecer pessoas e aumentar a percepção do segmento que atua. Participar de eventos, visitar clientes externos, procurar e explorar novas oportunidades vai fazer o seu mindset de negócios mudar, transformando o que é obrigação em satisfação.

Você vai gostar também

Receita previsível: vantagens e desafios do modelo... Você já pensou como seria bom saber no início de cada mês qual será o faturamento da sua empresa? Calma, este texto não fala sobre vidência ou algo do...
Plugin Cobrança Recorrente e Assinaturas WordPress... Neste Sábado (23/11) a VINDI lançará o Plugin Cobrança Recorrente e Assinaturas WordPress -  " VINDI - Assinaturas e Cobrança Recorrente" - para WordP...
Débito em conta corrente: por que os bancos estão ... Nós temos tido algumas discussões importantes com alguns clientes solicitando a modalidade de débito em conta corrente. Por isso, decidimos escrever u...
Como vender pelo WhatsApp sem ser invasivo? Não há como negar, o WhatsApp se tornou uma poderosa ferramenta de comunicação para vendas. Quando se fala em vender pelo WhatsApp, a primeira cois...