Mais de 200 MIL PESSOAS sabem como vender mais e sempre.

Deixe seu e-mail e receba conteúdos exclusivos você também.

Avalie esse conteúdo

Em uma era cada vez mais digital, o chatbot pode ajudar seu negócio a economizar dinheiro e ainda gerar mais vendas. Esses “robozinhos virtuais” estão mais inteligentes e prontos para oferecer uma experiência personalizada ao cliente.

Eles vieram mesmo para ficar. Um estudo da empresa americana Gartner apontou que, até 2020, o chatbot deve ser responsável por 85% das interações feitas pelo setor de atendimento ao cliente. Além disso, a empresa acredita que até lá as pessoas terão mais interações com chatbots do que com seu próprio companheiro.

Entenda abaixo como usar essa tecnologia a seu favor e atrair mais consumidores. Mas, antes, será que você sabe o que é chatbot e como ele funciona?

O que é um chatbot

A palavra chatbot é uma junção de chat (bate-papo) + robô. E, de forma simples, é um programa de computador capaz de simular uma conversa humana, seja ela por voz ou mesmo por texto.

Ao visitar algum site, você, provavelmente, já se deparou com aquela janelinha perguntando se precisava de ajuda. Ou, então, já utilizou a assistente do Google para ativar um alarme. Nesses dois exemplos, o chatbot estava em ação.

Por isso, essa tecnologia é capaz de responder perguntas frequentes, sugerir produtos e outros serviços de uma forma muito mais rápida do que interações humanas. E, isso, pode influenciar em uma experiência do usuário positiva para sua marca. Já que uma pessoa consegue obter respostas rápidas, dentro de sua expectativa.

Como eles funcionam

O chatbot tem se tornando mais preciso e certeiro graças a aplicação da inteligência artificial. Ou seja, o uso de símbolos computacionais capazes de simular o pensamento humano.

É por meio dessa tecnologia que hoje é possível encontrar bots não apenas programados com palavras-chave. Mas, também, capazes de compreender o contexto e a intenção da pessoa por trás do que está sendo escrito.

Sendo que foi esse avanço que diminuiu a margem de erro nas respostas dados pelo chatbot. Tornando-os mais inteligentes e mais reais.

Como gerar mais vendas pelo chatbot

Agora que você já entendeu o que é um chatbot e como ele funciona, chegou a hora de saber como usar essa tecnologia para alavancar seus números.

1 – Geração de leads  

Para fechar mais contratos, você precisa de mais pessoas interessadas em sua empresa, certo? Esses potenciais clientes também são chamados de leads no mundo do marketing digital.

E o chatbot pode ajudá-lo a captar leads por meio de seu site, blog ou mesmo redes sociais. Seu papel pode ser o de oferecer informações, sugerir conteúdos, tirando dúvidas iniciais ou mesmo armazenar os dados do cliente para que ele passe a receber newsletter, e-mail marketing e outros tipos de comunicação da sua empresa.

Depois, essas informações podem ser utilizadas no seu funil de nutrição de leads ou de vendas.

2 – Personalização

Um dos grandes diferenciais de uma empresa é oferecer atendimento personalizado. Pois isso torna a experiência do usuário mais positiva.

E, nesse ponto, o chatbot pode ser seu grande aliado. Já que ele é capaz de identificar o comportamento do usuário e, com base nesses dados, sugerir produtos ou mesmo oferecer ajuda instantânea.

Por exemplo: se o seu cliente está em dúvida em qual plano combina mais com seu perfil, o chatbot pode ajudá-lo nessa escolha, por meio de algumas perguntas e pela análise de dados.

E, se você tem um e-commerce, sabe que acompanhar o comportamento do consumidor pode ajudar a diminuir o abandono de carrinho antes que ele desista do site.

Principalmente quando o motivo é porque ele não conseguiu localizar o que precisava ou ficou com dúvida sobre a política de troca.

3 – Atendimento

Um dos grandes destaques do chatbot é a rapidez na solução de dúvidas. Além de permitir que o atendimento aconteça 24h. Sendo assim, ele se torna grande parceiro da equipe de atendimento, tanto na etapa do pré-venda como também na de pós.

Imagine que alguém queira comprar um presente para seu amado e precisa que a entrega seja em dois dias. Só que ele está em dúvida no processo de pagamento.

Ao usar um chatbot, é possível facilmente solucionar a dúvida do cliente. E, em casos mais complexos, transferi-lo para um consultor real.

Lembre-se: um atendimento rápido, eficaz e personalizado sempre ajuda a diferenciar seu negócio dos concorrentes e colabora com as conversões.

4 – Pagamentos via chatbot

Você pode integrar o seu chatbot com meios de pagamento. Com isso, se o seu cliente gostar de alguma recomendação feita pelo robozinho ou não tiver mais dúvidas e quiser finalizar a compra, o pagamento pode ser feito direto pela janela da conversa.

Essa facilidade no checkout é uma ótima forma de melhorar a experiência do usuário e garantir mais vendas.

5 – Assistente de vendas

Outra utilidade do chatbot é que ele pode funcionar como um primeiro contato com seus potenciais clientes. Depois de algumas perguntas, é possível identificar qual representante é mais indicado para continuar a venda.

Além disso, o cliente também pode escolher um horário livre na agenda de um representante por meio do chatbot, agilizando o processo de vendas. Mas, é claro, que a tecnologia deve ser uma aliada do time de vendas e não um substituto.

Como você percebeu nesse texto, o chatbot pode ajudar você a automatizar atividades repetitivas e diminuir a burocracia em um processo de vendas ou atendimento. Com isso, sobra mais tempo para sua equipe focar em processos complexos e gerar mais vendas.

Author

Especialista em Marketing de Conteúdo, escreve há mais de seis anos sobre e-commerce, meios de pagamento, tecnologia e viagens.