Pedro é o fundador e CEO do Neon, um dos primeiros bancos digitais do país.

Com apenas 26 anos, é também um dos banqueiros mais novos que se teve notícia. Antes disso, fundou startups em uma venture builder em São Paulo e teve uma loja de biquínis em Santos, sua cidade natal. Empreendedor nato, criou o app de cartão pré-pago Control.ly, que virou o Neon posteriormente.

“Eu não herdei um banco, montei um.” – Pedro Conrade

Apesar da pouca idade, Pedro é um dos CEOs da nova geração com maior execução no país. Brigando contra gigantes, escalando time e se relacionando com reguladores, sem se deixar levar pelo frisson da mídia nas fintechs.

Conduz como ninguém, uma operação com centenas de pessoas, dentro de um novo tipo de banco.

O post Pedro Conrade, CEO do Neon. O banqueiro de 26 anos. apareceu primeiro em Like a Boss.