Edgard é o principal nome do segmento fitness no país. E não somente isso, é o comandante do grupo Bio Ritmo & Smartfit que com 480 academias, faturou cerca de R$1 bilhão em 2017.

Edgard fundou a rede Bio Ritmo em 1996, em Santo Amaro (bairro paulista) com uma única unidade e sem conhecer nada do setor. Desde então, é o CEO e principal nome do grupo.

Antes disso, o empreendedor era um engenheiro químico de formação, que cuidava das usinas de açúcar da família Corona. Também teve um laboratório químico.

“A gente matou nosso próprio negócio, para criar outro” – Edgard Corona ao citar a criação da Smartfit dentro do Grupo Bio Ritmo.

Com presença em países como México, Chile, Colômbia, Peru, Equador e República Dominicana, a Smartfit consolidou o mercado na América Latina, com a marca de 1,6 milhões de alunos. Para se ter uma ideia do número: a Estônia tem menos gente, que as academias da rede de Corona.

A “Smart”, remodelou a forma como as pessoas fazem exercícios no país, pressionando inclusive, todo o mercado a mudar. Com tecnologia, um modelo infalível de escala (recorrente) e um serviço adequado.

Embaixador da Endeavor, Edgard, que tem 61 anos, é o “cabeça” do 4º maior conglomerado fitness no mundo.

Author

Growth Hacker e palmeirense (ninguém é perfeito), formado em comunicação social (ninguém é perfeito²). Nascido no mesmo dia que Dom Vito Corleone.