Como o seu negócio pode continuar faturando mesmo em épocas de crise?

As crises financeiras são inevitáveis e os gestores não podem simplesmente ignorá-las. Caso façam isso, a empresa pode entrar numa espiral de declínio, que pode levá-la para uma situação ainda pior. Logo, o recomendável é que eles encarem os tempos de crise como uma situação normal e tirem o máximo proveito desse momento de aprendizado. Mas para isso, eles precisam elaborar planos estratégicos para manter seus clientes e promoverem ações para atrair novos. E pensando em ajudá-lo a enfrentar as turbulências da economia, preparamos algumas dicas que certamente farão com que seu negócio continue em pleno voo sem grandes abalos! Veja a seguir.

Tenha sempre um plano alternativo

No mundo corporativo, grandes líderes jamais fazem um único planejamento, pois sabem que precisam de “fôlego” em momentos difíceis. Eles pensam em todas as possibilidades, tanto as situações boas como as ruins. Por isso, costumam ter, além de plano A, o B, o C, o D e até o E. Quando for realizar o planejamento estratégico da sua empresa, sempre analise o melhor e o pior cenários para o negócio e como isso afetará diretamente as suas finanças.

Revise o seu planejamento financeiro

Primeiramente, para que seu negócio continue faturando mesmo em tempos de crise financeira, você deverá fazer uma revisão completa de todo o seu planejamento financeiro. Corte custos desnecessários, oriente a sua equipe para consumir menos recursos e congele aqueles projetos que não precisam de atenção imediata. Em seguida, reserve todos os recursos financeiros que sobraram para manter a sua empresa em atividade até que o cenário econômico volte a se estabilizar.

Promova liquidações

Ao contrário do que muitos gestores pensam, fazer uma liquidação não significa perder dinheiro, mas sim fazer o estoque girar. Somente com ela você consegue garantir a entrada de recursos no caixa, se livrar daquele estoque que está há muito tempo parado e otimizar o capital de giro. Recomenda-se que os itens consumidos com maior frequência não entrem nessa liquidação. Mas caso o empreendedor deseje fazer isso, ele precisa avaliar se realmente é vantajoso.

Crie clubes de fidelidade

Já é sabido que, em momentos difíceis, o principal objetivo da empresa é reter clientes. Por isso, a criação de um clube de fidelidade é fundamental, pois poderá ajudar o negócio a continuar faturando graças a seus clientes já habituais. Pontos, descontos, milhas, “produtos casados”, entre outras estratégias de venda, são sempre muito bem aceitas pelos consumidores, fazendo com que eles comprem mais e o ticket médio da empresa aumente significativamente.

Invista num sistema de cobranças automatizado

Sem dúvida, o sistema de cobranças é a ferramenta mais importante de uma empresa em épocas em que a economia está negativa, já que ele é capaz de cobrar os clientes de maneira automática e evita a inadimplência. Com isso, os gestores podem concentrar seus esforços em outras atividades que favorecem o negócio. Além disso, por emitir e enviar os boletos em formado PDF por e-mail, ele elimina todos os gastos envolvidos na impressão de títulos. E por ter um custo de emissão bem menor, a empresa pode oferecer descontos especiais para aqueles clientes que pagarem seus boletos à vista ou até a data de vencimento.

economia da recorrencia

Que outras estratégias você utiliza em sua empresa para não passar por dificuldades em tempos de crise? Compartilhe-as com a gente ou deixe suas dúvidas relacionadas a este assunto nos comentários!

A Equipe de redação Vindi é formada pela área de sucesso do cliente, marketing, financeira e vendas. Todo mundo contribui para que você fique informado sobre tudo em assinaturas, pagamento on-line e Saas.